22 de setembro de 2018 às 18:15

Mais de 600 pastores publicam carta criticando o 'uso do nome de Deus para fins políticos'


Segundo o colunista Ancelmo Gois, do Jornal O Globo,  um grupo de mais de 600 pastores evangélicos publicou carta à nação brasileira afirmando, entre outras coisas, a “firme convicção de que o nome de Deus não pode ser usado em vão, ainda mais para fins políticos. Por isso, recomendamos enfaticamente que se desconfie de qualquer tentativa de manipulação do nome de Deus”. A carta convida os eleitores a escolherem candidatos pelo “alinhamento deles com os valores do Reino de Deus, evidenciados (...) na crítica a toda forma de injustiça e violência, (...) na tolerância com o diferente”.

Parece que que esse recado foi para o Bolsonaro.

Esperamos que o senhor Silas Malafaia tenha lido a carta.

Fonte: Ancelmo Gois / O Globo

comentários

Estúdio Ao Vivo