05 de março de 2019 às 13:42

Fervo da Lud, da cantora Ludmilla, tem confusão e bombas da polícia


Foto: Reprodução

Confusão e violência encerraram mais cedo o bloco Fervo da Lud, comandando pela cantora Ludmilla, que aconteceu hoje no Rio de Janeiro. A folia estava prevista para durar até as 14h, mas acabou uma hora e meia mais cedo.

A treta começou quando um tumulto interrompeu a apresentação da cantora por volta de meio-dia. Em determinado momento, a polícia militar interveio com bombas de efeito moral, spray de pimenta e cassetetes, gerando corre-corre nas ruas do centro do Rio.

Um dos foliões chegou a provocar a PM com uma barra de ferro. Diversos polícias cercaram o homem e o agrediram com cassetetes. Bastante machucado, o homem, que não teve a identidade revelada, foi levado de ambulância para o hospital, acompanhado por cinco policiais.

Por volta das 12h40, outra confusão começou. Todos os convidados já haviam descido da área de apresentação do trio e o som foi desligado, encerrando oficialmente o bloco.

Fonte: Lola Ferreira Colaboradora do UOL

comentários

Estúdio Ao Vivo